quarta-feira, 1 de julho de 2009

| Manhãs... |

Ando... ando... e pelo caminho me deparo com imagens. Lembranças que me faz abrir sorrisos durante alguns segundos. Por aquela calçada estreita me divido entre 'bom dia' e ouvir os pássaros. Começo a acelerar o passo. Os carros sempre numa velocidade... meus pensamentos voam. A avenida é longa. Paro numa livraria cultural. Me perco em mil letras e papéis. Penso em pedir um café mas o tempo corre. Pego três revistas (educação, psicologia e filosofia) que me agradam e tomo meu rumo. Andando e pensando... eu estava daqui um ano. Longe e perto ao mesmo tempo. O sol resolveu me fazer uma surpresa e começei a sentir o aroma daquele jardim da qual estava cruzando. Meus olhos segaram a imagem a minha frente. Suspirando voltei pra casa carregada de vontades e sonhos. E mais uma vez me senti maior do que eu.

Um comentário:

Lucimar Simon disse...

o sentimento de grandeza as vezes toma conta, nossa que espirito de grandeza eu vi agora lendo este texto, muitos beijos ....


de mim para ti