domingo, 24 de maio de 2009

|| X - uma parte da porção ||



"Quero a doçura desta amarga porção, que por covardia
cuspi antes que todo seu sabor me tomasse".

Me dê um pouco dessa agilidade com as palavras para que eu possa me devorar e me sentir infinitamente mais pura.
Lavanta-te, guia-me, devora-me.
Deixo a porta entre aberta. Já se sente à vontade. Fica.
Sempre com a doçura de seus sentidos, quero sempre mais de mim mesma.
Me perco, fico tonta, mas não por falta e sim por excesso.
Excesso de temperos e sal.
"Teremos como frutos, insanos devaneios."
Em meia luz de uma noite de insônia e de atos incompletos.
"Falta música no ar"...
Anestesiada de tantas informações e imaginações, fico surda, muda e não vejo nada.
Só sinto.
Quero uma porção de você, deles, de tudo isso. Junto e Misturado, como dizem por aí.
Um pedaço de Ivones, Marcos, Victor, e Luci... na imensidão do Mar, na consistência do Mel, na complexidade de um estrangeiro e entre o mundo inteiro.
Fico com a Vitória..
de um Zero, não um qualquer....
e sim aquele que não sai da memória.

Assim, adormeço satisfeita pelas porções diárias...
ora em doses homeopáticas... ora em doses desesperadoras e intensas.

.

Decodificando alguns chizes. E misteriorizando muitos outros.
Pra você.

8 comentários:

wallace disse...

às vezes é preciso fechar os olhos e sentir... Ele saudou a manhã, soltou o verbo e partiu pro mundo. Era uma vez um filme de amor, ele e ela sempre tentando dar sentido às coisas que acontecem após o "the end". "Você já reparou a quantidade de gente nos créditos desse filme?" Ele em silêncio aquiesce. É preciso não esquecer - nunca - que o amor perdura além das salas de cinema. bjs, amo você (já disse isso hoje?)

Paulo Roberto Wovst Leite disse...

Você foi convidado a participar de uma brincadeira entre amigos blogueiros.
As regras são:
1 - Agarrar o livro mais próximo;
2 - Abrir na pagina 161;
3 - Procurar a 5ª. frase completa;
4 - Colocar a frase no blog e convidar os amigos a fazerem o mesmo;
5 - Repassar para algumas pessoas e avisá-las.
Conto com a sua postagem.
Valeu!

Paulo Roberto Wovst Leite disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Lucimar Simon disse...

Essa maneira de dizer um oi foi muito criativa, adorei, em vc ja notou que o entrosamento entre nosso grupo tem se expandido a cada dia? isso é muito bom, fazer mos nossa propria divulgaçao entre nossos colegas incomum...

Clarinha vc é xouuu
e hoje ja tomei minha dose de "claridade" minha noite ficou "clarinha" e linda apos esta leitura,

Como diz uma musica meu tema da semana, "vamos nos permitir, nao a tempo que... vamos viver o que da pra viver"...

Andréia M. G. disse...

Eu também me sinto excessiva muitas vezes. Querer mais de si mesmo às vezes nos faz transbordar. Bjos!

Zeroglota disse...

Cara o que falar?
Lembro de ter um dia comentado com você,escreva... !
Te acho linda,e não estou falando das fotografias,
que também te mostra assim,você é assim como vi “NA JANELA”.
Janela que quis penetra e pegar seus sonhos, e você sabe sonhei seus sonhos !?
Suspeito para fazer qualquer comentario, mas também envaidecido
digo é lindo,quase tanto quanto você! Disse “QUASE”!
Disse você é apaixonante,e você o é !
Te amo cara!
Te amo Clara!
Beijos!
Seu amigo Sidney

MEL disse...

Nossa vida é feita dessas porções...e do sentimento que pomos nelas;P

Victor Canti disse...

muito de mim eu tb transformo nessas novas visões, pensamentos, sentimentos, nessas amizades que fazemos via blog, e o seu é um dos principais para mim, sempre com algo do dia-a-dia, algo criativo e sensível...
valeu!!
beijos