quinta-feira, 28 de maio de 2009

(EN)COBRIR / (DES)COBRIR



oculto relatos

mostro-lhe outra face

invento histórias

faço-me viva

dissimulo/passo

no rosto: pó, lápis, batom

disfarço-me

delato o verdadeiro EU

(re)vivo cada instante

revelar ou não revelar?

[Ana Clara Galvão - março/06]

5 comentários:

Lucimar Simon disse...

Pago pra ver, se isso nao é se revelar, como pessoa nitida que é em seus texto, entao nao sei...
Bem ao menos temos uma outra concepçao, pode ser que se esconda atras do pó no rosto, mas se esconde será só beleza natural...

beijos, uns escondidos outros revelados...rssrsrsr

Renato disse...

Oi Clarinha!
primeiramente quero lhe agradecer a visita ao meu blog e dizer que me sinto honrado de ter vc como uma seguidora. Como sou enxerido já tomei a liberdade de seguir vc tbm e add seu blog entre os meus preferidos. Apesar de ter dado apenas uma olhada por cima já percebi que vou me deliciar.
Um grande bjo!

Zeroglota disse...

Revelou se! Ou como veriamos sua “foto“(luz)?
Linda aura de sonhos escritos!
Ilumina me!
Beijos!

Val Falcão disse...

Nossa muito obrigada pela sua visita no meu blog...
É as vezes é tentando encobrir algo que acabamos nos mostrando mais, como vc fez neste texto...
Beijos

Andréia M. G. disse...

A vida é repleta de revelações e encobrimentos...