segunda-feira, 12 de julho de 2010

ééé... não!

Não.
Não saber.
Não saber o que fazer.
Não saber o que falar em certas horas.
Não saber como agir em situações inesperadas.
Não saber o que sentir.
Não sei.
Não.
.

4 comentários:

wallace disse...

meu bem... parabéns pelo blog novo, viu? Gostei bastante dessa "cara" de colcha de retalhos (que aliás tem sua função como contação de histórias na cultura popular) e do novo nome. e continuo fã das coisas que vc escreve. Sempre. bjs e boa semana!!!

Valquíria Falcão disse...

Hum não saber o que dizer, justo na hora que precisamos mais das palavras elas parecenm sumir, somos assim humanos, mulheres....

Beijos....

Valquíria Falcão disse...

Hum não saber o que dizer, justo na hora que precisamos mais das palavras elas parecenm sumir, somos assim humanos, mulheres....

Beijos....

ivone fonseca disse...

Para tantos "nãos" quem sabe alguns sins.
Sim para tentar descobrir.
Sim para tentar fazer
Sim para dizer o que se pensa
Sim para agr por intuição
Sm para permitir qqr sentimento
Sim para sei lá, mil coisas
Sim, isto sim