terça-feira, 10 de março de 2009

Tem coisas que não conseguimos controlar.
As batidas do coração nos dizem muitas coisas a qual muitas não conseguimos decifrar e nem ao menos escutar.
Deveríamos sentir mais, experimentar mais, nos entregar mais aos nossos companheiros.
Hoje, ao contrario de tempos passados, perdemos muitos sentidos e exaustos, nos satisfazemos com pouco, nos acomodamos.
Porque será que amar e deixar o coração bater mais forte dói tanto?


(25-01-2007)... retirado de um blog antigo!

4 comentários:

Deia Roos disse...

Amar é doar-se
e doar nem sempre é fácil...
Bjs

viagemrevolución disse...

Olá Clarinha, parabéns pelo blog...
é interessante e muitíssimo bem disposto, vamos continuando online...
beijinhos, VR
www.viagemrevolucion.blogspot.com

Paulo Roberto Wovst Leite disse...

Post antigo, sentimentos atuais, o mundo gira e segue-se o curso.
Amar, verbo intransitivo. Lembra?
beijos

Zeroglota disse...

Esta é dor do pouco do masoquismo de todos.
Pior que esta dor é o vazio de não senti tal amor
Que bom,te ver mais vezes,quero dizer ler!
Beijos! ...