segunda-feira, 16 de março de 2009

| Resp: Ser Mortal |

Mudei. Era necessário.
Mas no fundo, continuo a mesma.
Regando meu jardim, apreciando as flores nascendo e lembrando do lindo girassol que se foi.
Às vezes o tempo é cruel, mas só às vezes!
Não temos que pensar em voltar a vida, voltar pra casa, voltar ao que era antes.
E sim, em ir à algum lugar.. ir pra casa... ir ir ir!
A manhã chegou e eu nem vi. Estava presa aos meu pensamentos, meus devaneios, meus medos.
Sozinha? Depende... Isso não pode ser um medo.
As plantas? já não são mais as mesmas.
O tempo anda seco demais.
Regá-las pra quê? Preciso trazê-las pra perto de mim.

ahh..Uma vez me disseram, em rimas claras e raras que o nosso jardim ia ser regado dia após dia...
eu não esqueci... o coração ainda está vivo!
Não sei se aquela "felicidade" ainda está viva ...

Mas Um Grande Amor Não Morre Nunca!

4 comentários:

Zeroglota disse...

Estamos sempre a procura de mudanças,que com certeza esta sempre acontecendo,
Algumas destas escolhemos fazer,outras somos dragados por ela,
De qualquer forma ela ira acontecer,com ou sem dor,o amadurecimento
é constância desta mudança,a dor é tão grande que parece que nunca mas teremos a alegria de antes,
fique tranquila terais outras tantas alegrias e outras tantas dúvidas quanto hoje!
É com certeza mais preparada,vai sentir a doçura do fruto maduro a que você se transformEstamos sempre a procura de mudanças,que com certeza esta sempre acontecendo,
Algumas destas escolhemos fazer,outras somos dragados por ela,
De qualquer foma ela ira acontecer,com ou sem dor, o amadurecimento
é exemplo desta mudança,a dor é tão grande que parece que nunca mas teremos a alegria de antes,
fique tranquila terais outras tantas alegrias e outras tantas duvidas quanto hoje !
É com certeza mais preparada ,vai sentir a doçura do fruto maduro a que você
se transforma a cada dia .
Natural como as flores do seu jardins,”regui se”,de seu doce.
Alegre se!a a cada dia.
Natural como as flores do seu jardins,”regui se”,de seu doce.
Alegre se!

ivone fonseca disse...

Sabe as mudanças são constantes em nossas vidas. As vezes tomamos um grande susto tal proporção q elas tomam.. outras vezes elas acontecem de forma tão imperceptivel q qdo nos damos conta ela aconteceu á muito tempo.. lá atras. Este é o processo de viver, conhecer, mudar, se perceber e consequentemente amadurecer. Sabe os girassois? significam recomeço.. mas o recomeço não necessáriamente deve partir do zero as vezes ele toma algo para se impulsionar.. uma velha musica, um velho retrato, aquele velho jardim largado no inverno de nossas memorias.. seus velhos amigos ou aquele q vc nunca percebeu mas sempre esteve lá... enfim, não acho q seja o amor (ou o grande amor) q nunca morre, somos nós q os colocamos na prateleira (como um velho livro).. Devo dizer q a releitura é sempre um grande reencontro, um reencontro muito especial.. (Te amo linducha)

Deia Roos disse...

Meus dedos estão cruzados torcendo!
Para que?
Para que descubram aquilo que realmente importa...
Com carinho de alguém que tudo acompanha e que torce pela FELICIDADE!

wallace disse...

A árvore da felicidade tem sido regada de tempos em tempos. Não vou mais reclamar de nada. O que tem de ser será.